Rally RN 1500 dá continuidade ao BR de Cross Country

Campina Grande será o palco da largada da segunda etapa do Brasileiro

Rally RN 1500 dá continuidade ao BR de Cross Country
Foto: Doni Castilho






A segunda prova do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country terá largada no dia 30/06, direto da terra do maior São João do Mundo, Campina Grande (PB). A expectativa dos competidores é de uma prova técnica e bastante acirrada, mantendo o ritmo forte e aceleração em alta, como foi na primeira etapa do Campeonato, realizada no Jalapão entre os dias 15 e 19 de junho. 

Na disputa da categoria motos, o piloto Honda Jean Azevedo espera do Rally do Nordeste uma prova com diversidade de terrenos, e que lá seja possível corrigir os erros cometidos na etapa anterior. “Nos três primeiros dias deverá ter muita pedra, serra e navegação forte. No último dia a prova já muda por completo, com pisos mais arenosos, e dunas. A hora agora é de corrigir os erros da primeira etapa, a expectativa é boa. Vai ser realizada uma semana depois do Jalapão, então fazer o RN com intervalo tão curto vai ser muito bom para eu entrar no ritmo em busca do oitavo título de campeão dos Sertões”, enfatiza Jean

Vice-campeão da etapa do Jalapão, o piloto Yamaha Ricardo Martins está com boas expectativas. “Ainda estamos pegando o ritmo das competições. Passamos muito tempo parado, então precisamos fazer alguns ajustes. Mas nossa equipe está preparada. A ideia é ser ainda mais veloz no RN e conquistar a vitória”, afirma.

O campeonato está só começando e ainda há muito para acontecer, mas a certeza de que a disputa vai ser acirrada existe. Na categoria UTVs, a diferença entre o primeiro e segundo colocado foi de apenas 10 segundos no Jalapão. A competição  entre os aventureiros do Nordeste, Sul e Sudeste é sempre acirrada, de nível elevado e sem favoritos.“Estamos ansiosos. Nossa expectativa é continuar na liderança, o que é bem difícil pois os melhores pilotos do Brasil vão correr no RN. Se ganhar já não é fácil, imagine se manter na liderança? Mas nós vamos para cima”, diz Fábio Ruediger, piloto da equipe Can-Am Rato Racing. Mas se depender da equipe Can-Am UOP a disputa pela liderança da categoria será ainda mais acirrada. O piloto Cristiano Batista afirma que vem para segunda etapa focado em vencer. “Estamos animados. Correr no RN é sempre uma experiência muito boa, estamos embalados e determinados”, rebate.

Para o diretor de modalidade da CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo), Adilson Kilca, a primeira prova já mostrou o alto nível da temporada. "Tivemos um grid muito bom de UTV's e motos no Jalapão, ou seja, começamos o campeonato em grande estilo. Foram boas disputas e o RN 1500 promete seguir os mesmos passos. Então as expectativas são as mais altas possíveis", fala.
 
Roteiro
O RN 1500 será realizada em quatro etapas, uma de vistoria técnicas e quatro de corridas. Terá de tudo: especiais rápidas, travadas, muita piçarra, pedras e trechos sinuosos. Tem serra, sertão e mar. De acordo com o diretor do RN 1500 Kleber Tinoco, os competidores serão presenteados com as mais belas paisagens do nordeste brasileiro e as especiais mais difíceis da temporada. “Tradicionalmente realizamos uma prova técnica, os competidores adoram e vêm preparados para isso. Será um caminho duro, difícil, do jeito que eles gostam”, ressalta.
 
O roteiro faz jus ao tema da edição: é de cinema! Os competidores passarão por cidades onde foram gravados filmes brasileiros de grande destaque, como Cabaceiras, a "Roliúde Nordestina", onde foi gravado O Auto da Compadecida, do paraibano Ariano Suassuna. Parelhas, no Rio Grande do Norte, foi cenário do premiado Bacurau, do pernambucano Kleber Mendonça. Em Carnaúba dos Dantas e Acari foram gravadas cenas de O Homem Que Desafiou o Diabo, da obra do escritor potiguar Nei Leandro de Castro.
 
COVID – 19
A organização da prova adotou o protocolos sanitários com o objetivo de preservar a saúde de todos, ficando estabelecido que não terá participação de público. O acesso é restrito para competidores e demais envolvidos no evento.

O 23° Rally RN 1500 é uma realização da KTC Produções com supervisão das Confederações Brasileiras de Motociclismo e de Automobilismo. Apoio da Emprotur RN, Prefeitura de Campina Grande, Armil Mineração do Nordeste, Partage Shopping Campina Grande. Parcerias especiais com Gestus Soluções em Gestão, Água Mineral Fonte Clara, Beea, Escola Escritório, Construtora e Incorporadora Andrade Marinho, Prefeituras de Cabaceiras, Olivedos, Parelhas, Canaúba dos Dantas e São Miguel do Gostoso.

 

Programação
Terça-feira - 29/06 
Vistorias técnicas e administrativas - Campina Grande (PB);
9h às 17h - Secretaria de Prova
09h às 17h - Vistorias Técnicas 
11h - Campina Grande - Coletiva da Imprensa  

Quarta-feira - 30/06 - 1ª Etapa
08h – Campina Grande x Cabaceiras x Campina Grande
Área de Box – Parque do Povo 

Quinta-feira - 01/07 - 2ª Etapa
08h– Campina Grande | Parelhas 
Área de Box Parelhas – Aeródromo  Mineradora ARMIIL 
 
Sexta-feira - 02/07 - 3ª Etapa
08h Parelhas | Assu 
Área de Box  - Rua Doutor Luiz Antônio S/N
 
Sábado - 03/07 - 4ª Etapa
08h Assú / São Miguel do Gostoso 
15h00 – Divulgação de resultados e entrega de prêmios | São Miguel do Gostoso 
 
Classificação acumulada após 4 etapas
 
MOTOS
1) #32 Bruno Pelizari - Moto Pinga Rally Team
2) #04 Adrien Metge - Yamaha IMS Rally
3) #06 Júlio Cesar Zavatti - Honda Racing Rally
4) #10 Vitor Siqueira - Multracing
5) #35 Gabriel Bruning - Yamaha IMS Rally
  
QUADRICICLOS
1) #39 Marcelo Medeiros - Taguatur Racing
 
UTVs
1) #115 Fabio Ruediger/Eduardo Bampi - Cam-Am Rato Racing
2) #110 Cristiano Batista/Robledo Nicoletti - Cam-Am UOP
3) #117 Tomas Luza/Robson Schuinka - Cotton Racing
4) #109 Gabriel Varela/Filipe Bianchini - Varela Monster Energy
5) #124 João Franciosi/Cesar Valandro - Franciosi Rally Team

 

Crédito: Assessoria de imprensa do Rally RN 1500