KTM GP Academy define estrutura para 2021

Equipe se reforça com Raul Fernandez na Moto2 e Pedro Acosta na Moto3

KTM GP Academy define estrutura para 2021
Foto: KTM Factory Racing






A estrutura da KTM GP Academy está agora definida para 2021 com o recente vencedor do Grande Prémio Raul Fernandez a juntar-se a Remy Gardner na Moto2. A vaga do espanhol na Red Bull KTM Ajo KTM RC4 será preenchida pelo Campeão da Red Bull MotoGP Rookies Cup de 2020, Pedro Acosta, que se alinhará ao lado de Jaume Masia na Moto3.

Fernandez, de 20 anos, brilhou em seu primeiro ano com a equipe Red Bull KTM Ajo na divisão Moto3. Antes do Grande Prémio de Portugal que terminou a temporada, o espanhol usou a KTM RC4 para marcar cinco Pole Positions e registar três pódios, incluindo a sua primeira vitória no Circuito Ricardo Tormo, em Valência. O ex-vencedor da corrida da Red Bull MotoGP Rookies Cup e FIM CEV Repsol Moto3. Campeão Mundial Júnior ficou de fora dos vinte  primeiros na classificação de Moto3 para o limite dos cinco primeiros e após duas temporadas completas esta agora pronto para a próxima fase de seu desenvolvimento na categoria intermediária e no segundo nível da 'escada' da carreira KTM GP Academy e Ajo Motorsport.

A KTM está interessada em dar uma janela de oportunidade para outro brilhante prospecto espanhol, Pedro Acosta. O jovem de 16 anos arrasou a 2020 Red Bull MotoGP Rookies Cup, conquistando o título com duas rodadas antes do final da competição. Acosta mostrou ritmo, adaptação e tenacidade para bombar na competição com seis vitórias consecutivas em dois circuitos muito diferentes e mais três pódios em quatorze partidas. Ele também obteve quatro vitórias no Campeonato Mundial FIM CEV Repsol Moto3 Junior 2020, terminando em 3º no geral. Acosta poderia muito bem aprender com Jaume Masia; o promissor espanhol de 20 anos já subiu ao pódio sete vezes durante os três anos de Moto3 até ao momento.

Raul Fernandez : “Quero agradecer a toda a equipe, KTM, Red Bull e, acima de tudo, Aki por acreditarem em mim. É um passo importante na minha carreira esportiva e estou muito feliz em continuar crescendo com toda essa estrutura. É uma grande oportunidade que pretendo curtir muito ao lado de pessoas incríveis. Esta é uma nova etapa, que me aproxima do sonho de qualquer piloto: estar no MotoGP. A Red Bull KTM Ajo é a melhor equipe da Moto2, por isso este anúncio é uma honra para mim. Só tenho palavras de agradecimento a eles e à minha família, que sempre estiveram ao meu lado me apoiando”.

Pedro Acosta: “É incrível receber esta oportunidade da Red Bull, KTM e Ajo Motorsport. Eu quero agradecer a todos eles. Para mim, estar nesta equipe significa fazer parte da melhor equipe de Moto3 que existe. Será meu primeiro ano no Campeonato Mundial FIM, então teremos que aguardar pela primeira corrida para ver quais são nossas condições e depois definir as metas realistas. Durante a primeira metade da temporada teremos de concentrar os nossos esforços na adaptação a carga de trabalho, pois será totalmente diferente daquele ao qual estou habituado na Red Bull MotoGP Rookies Cup e no FIM CEV. Vou procurar fazer o meu melhor para tornar este processo de aprendizagem frutífero”.

Aki Ajo, diretor da equipe Red Bull KTM Ajo: “Estamos muito felizes em anunciar que Raul vai mudar para a Moto2 no próximo ano. Apesar de ter sido um ano agitado, ele tem conseguido mostrar um ritmo forte e com avanços rápidos. Sentimos que agora é um bom momento para ele começar na Moto2. Sabemos que ele tem um grande futuro pela frente, embora tenhamos que dar-lhe tempo para se adaptar à nova classe. Estabelecemos uma relação muito forte e ele é um garoto muito trabalhador. O projeto com o Raul é muito importante para a Red Bull, KTM e toda a nossa família das corridas. Tivemos bons estreantes em nossos projetos no passado, e ter um novo talento conosco novamente é uma coisa muito positiva. Já nos encontramos e conversamos com o Pedro [Acosta] em várias ocasiões e vi algo na forma de trabalhar dele que se assemelha a um estilo da velha guarda que eu realmente gostei. Sinto que com ele temos uma boa chance de sucesso no futuro, embora não devamos esquecer que ele vai precisar de tempo ”.

Pit Beirer, Diretor de esportes motorizados da KTM: “Não poderíamos estar mais felizes com a formação da nossa KTM GP Academy para 2021. Temos uma mistura emocionante e sabemos que cada piloto da Moto3, Moto2 e MotoGP tem a possibilidade de oferecer bons resultados e histórias de corrida para a empresa . Eles terão o nosso melhor apoio possível para que possam atingir seus objetivos. Quero agradecer a Aki novamente pela excelente estrutura que ele montou para nos ajudar a fazer uma estratégia e um programa. Já mostramos que estamos prontos para trazer pilotos desde a Red Bull MotoGP Rookies Cup - e esperançosamente outras séries como a Northern Talent Cup, ao auge do MotoGP e estamos prontos para se destacar, como demonstrado pelos duas vitórias e sete pódios entre três pilotos até agora em 2020. Esperamos que a KTM GP Academy nos traga mais em breve”.
 
Crédito: KTM Factory Racing