Josep García é segundo no EnduroGP

Apesar das dificuldades, o piloto da KTM conseguiu uma ótima colocação na primeira etapa

Josep García é segundo no EnduroGP
Fotos: KTM Press






Após um curto Super Test na noite de sexta-feira, a primeira rodada do Campeonato Mundial EnduroGP 2021 começou em um local quente e seco de Marco de Canaveses. Conforme prometido pelos organizadores, os testes especiais provaram ser um verdadeiro desafio para todos os competidores com uma mistura de terreno difícil e uma programação cansativa. Com a chuva que caiu durante a noite de sábado e no domingo, as condições tornaram-se ainda mais exigentes no segundo dia, com os pilotos lutando por maior aderência ao terreno português.

Procurando fazer um forte retorno à competição EnduroGP, Josep Garcia provou que apesar de não competir no Campeonato Mundial de Enduro FIM por três anos, ele não perdeu nada da velocidade que o levou ao título da classe Enduro2 2017. O GP de Portugal poderia ter começado melhor para o espanhol, no entanto, uma vez que uma queda no Super Test de sexta-feira à noite resultou no piloto da KTM 350 EXC-F a reivindicar o 10º lugar na E2 e 20º da geral.

Sábado, Garcia novamente sofreu algumas quedas durante o dia que lhe custaram um tempo valioso. Mantendo a cabeça baixa e a motivação elevada, Josep conseguiu manter o contato com os líderes para terminar o primeiro dia como vice-campeão no Enduro2 e terceiro na categoria EnduroGP (geral).

Apesar do clima dificultar as coisas no domingo, Garcia continuou na luta pelo pódio no Enduro2. Alguns erros custaram-lhe algum tempo no início, mas no final da segunda volta, o jovem espanhol ficou em terceiro na classificação geral, a menos de 10 segundos do líder. Na terceira e última volta, Josep pressionou bastante para garantir sua posição, mas um erro no último teste de enduro custou-lhe cerca de 30 segundos, além de sua chance de vitória. Terminando em terceiro no Enduro2, Garcia falhou por pouco no pódio do EnduroGP em quarto lugar, pouco menos de um minuto atrás do vencedor.

Feliz com seu duplo pódio na classe E2, mas frustrado com os erros cometidos durante o GP, Garcia está em terceiro lugar geral na classe Enduro2 e quarto no EnduroGP.

Josep Garcia: “No final, o primeiro dia correu bem para mim, mas comecei muito mal, tive uma grande queda no teste cruzado, mas felizmente a moto estava bem. Fiquei preso no teste extreme e logo depois disso, perdi alguns preciosos segundos. Forcei muito o resto do dia e consegui voltar algum tempo, mas sei que tinha ritmo para fazer melhor. As condições no segundo dia foram muito mais difíceis, com todos os testes a pista ficou mais escorregadia. Tentei o meu melhor novamente e, embora tenha cometido alguns erros, consegui chegar perto do topo dos tempos de teste. As coisas estavam indo muito bem até a última volta quando eu estava a alguns segundos atrás e sabia que tinha que impulsionar. Infelizmente, tive uma grande queda no teste de enduro, o que me fez perder mais tempo e depois decidi apenas levar a moto até o final com segurança. Meus resultados não foram tão ruins, mas estou frustrado comigo mesmo por ter cometido tantos erros no fim de semana. Na próxima semana é outra corrida, então felizmente estou bem e vou tentar dar o meu melhor para melhorar”.

O 2021 FIM Enduro World Championship continua no próximo fim de semana com a segunda rodada de Edolo, na Itália, de 25 a 27 de junho.

Resultados - 2021 FIM Enduro World Championship - Round 1, Portugal

Dia 1

Enduro 2

1. Steve Holcombe (GBR), Beta, 1: 09: 25: 61
2. Josep Garcia (ESP), KTM, 1: 09: 42: 31
3. Wil Ruprecht (AUS), TM, 1: 09: 42: 31
4. Hamish MacDonald (NZL), Sherco, 1: 10: 48.53
5. Thomas Oldrati (ITA), Honda, 1:11:15, 44
Outro KTM
8. Hugo Blanjoue (FRA), KTM, 1: 12: 03.39

EnduroGP

1. Brad Freeman (GBR), Beta, 1: 08: 49,71
2. Steve Holcombe (GBR), Beta, 1: 09: 25: 61
3. Josep Garcia (ESP), KTM, 1: 09: 42: 31
4. Wil Ruprecht (AUS), TM, 1: 10: 05.61
5. Andrea Verona (ITA), GASGAS, 1: 10: 12.54
Outro KTM
6. Jaume Betriu (ESP), KTM, 1: 10: 21,80

 

Dia 2

Enduro 2

1. Wil Ruprecht (AUS), TM, 1: 08: 18,42
2. Steve Holcombe (GBR), Beta, 1: 08: 44,49
3. Josep Garcia (ESP), KTM, 1: 09: 14.66
4. Hamish MacDonald (NZL), Sherco, 1: 10: 10,08
5. Eero Remes (FIN), TM, 1:11:20, 12

EnduroGP

1. Wil Ruprecht (AUS), TM, 1: 08: 18,42
2. Brad Freeman (GBR), Beta, 1: 08: 26,90
3. Steve Holcombe (GBR), Beta, 1: 08: 44,49
4. Josep Garcia (ESP), KTM, 1: 09: 14.66
5. Jaume Betriu (ESP), KTM, 1: 09: 33.77

Classificação do campeonato (após a 1ª rodada)

Enduro 2

1. Steve Holcombe (GBR), Beta, 37 pontos
2. Wil Ruprecht (AUS), TM, 35 pts
3. Josep Garcia (ESP), KTM, 32 pts
4. Hamish MacDonald (NZL), Sherco, 26 pontos
5. Eero Remes (FIN), TM, 21 pontos

EnduroGP

1. Brad Freeman (GBR), Beta, 37 pontos
2. Wil Ruprecht (AUS), TM, 33 pts
3. Steve Holcombe (GBR), Beta, 32 pts
4. Josep Garcia (ESP), KTM, 28 pts
5. Jaume Betriu (ESP), KTM, 21 pts

 

Crédito: KTM Press