Nova Honda CBR150R 2021

Moto com design atualizado e recursos adicionais

Nova Honda CBR150R 2021
Fotos: Honda Brasil Divulgação






A Honda lançou recentemente a CBR150R 2021 na Indonésia, com equipamentos novos e um estilo bem mais arrojado. A nova motocicleta apresenta um design muito mais nítido e que foi inspirado na CBR250RR. Ela recebeu uma configuração de farol duplo de LEDs e uma nova carenagem, que a deixa mais esportiva do que o modelo anterior.

A nova moto apresentou como novidade, também os garfos em USD de função separada da Showa SFF-BP. Outra atualização foi a adição de uma embreagem deslizante, o que não só reduz o travamento das rodas e saltos durante reduções agressivas das marchas, mas também reduz o esforço necessário para puxar a alavanca em cerca de 15 por cento.

Outra novidade é o painel de instrumentos LCD totalmente digital, que exibe informações sobre o consumo de combustível, posição da marcha e também sobre como controlar  velocidade, rpm, tempo e combustível. O novo speedo digital é uma unidade bastante compacta, mas muito bem organizada.

Apesar de todas as mudanças, o motor ainda é o mesmo do mesmo do  modelo anterior. A CBR150 continua a extrair energia de um motor monocilíndrico de 149 cc, refrigerado a líquido, que gera uma potência de pico de 17,1 HP (a 9.000 rpm) e um torque máximo de 14,4 Nm (a 7.000 rpm). As tarefas de transmissão são controladas por uma caixa de câmbio sequencial de 6 velocidades, e o motor apresenta a tecnologia PGM-Fi e eSP da marca.

Comparada com sua rival mais próxima, a Yamaha YZF-R15, o novo lançamento da Honda perde no quesito potência, mas ganha vantagem em relação ao torque. A CBR150R chega ao mercado com duas opções; com ABS e sem ABS, com a primeira opção pesando 139 kg e a última 137 kg (peso total).

Atualmente, a Honda não tem planos de lançar a CBR150R no mercado indiano,  embora a moto já esteja disponível no mercado (de 2012 a 2017). No momento, a fabricante japonesa das duas rodas tem estado muito ocupada em expandir a sua linha de motocicletas premium na Índia. Como tal, existe ainda a possibilidade de que no futuro ainda possamos presenciar estas motocicletas ganhando as estradas indianas.

 

Crédito: Kshitij Rawat – Gaadi Waadi