Duelo terá etapa classificatória no sábado

Dos dez pilotos participantes, apenas oito seguem para a fase final de domingo

Duelo terá etapa classificatória no sábado
Foto: Internet Divulgação



A chuva até tentou, mas não conseguiu atrapalhar os treinos do Duelo de Motos nesta sexta-feira. Logo pela manhã, os dez atletas da competição realizaram testes de Covid-19 e, depois da confirmação de que todos estão negativados, a pista localizada em Atibaia foi tomada pelo ronco dos motores e pela adrenalina dos saltos. Amanhã, 16, acontece a etapa classificatória da competição, que definirá quais são os oito pilotos na fase final. Lembrando, também, que nesta edição, por conta da pandemia, não haverá a presença do público no local e que a transmissão da etapa final, ao vivo, será realizada pelo Esporte Espetacular (Rede Globo) a partir das 10h.

O Duelo de Motos conta com a presença dos principais nomes do Freestyle Motocross no Brasil, são eles: Tatá Mello (SP), Fred Kyrillos (São Paulo/SP), Gilmar Pereira Flores “Joaninha” (Sinop, MT), Marcelo Simões (Herculândia/SP), Diego Djamdjian (São Paulo/SP), Javier Villegas (Chile), Jeff Campacci (Campinas/SP), Tatá Pelegrino (Atibaia/SP), Robertt Fire (Inocência/MS) e Pedro Nougalli (Ribeirão Preto/SP).

O prefeito de Atibaia, Emil Ono, visitou o local de prova nesta sexta-feira e destacou a importância do evento para a cidade. “O Duelo de Motos é um evento esportivo de âmbito nacional, de grande prestígio em todo o Brasil, e que se tornou de grande relevância principalmente para a população de Atibaia, que aguarda esse momento especial. A cidade fica na expectativa de sentir novamente a adrenalina das disputas, acompanhadas com emoção nas edições anteriores nos anos de 2017, 2019 e 2020. É um evento que já se tornou tradição na cidade e um motivo de orgulho para todos nós. Nas edições passadas, milhares de visitantes estiveram na cidade acompanhando a competição, mas este ano, infelizmente, em função da pandemia de coronavírus, o Duelo de Motos não será aberto ao público, será transmitido para todos assistirem na segurança de seus lares. De qualquer forma, temos certeza de que mais uma vez estaremos divulgando as belezas de Atibaia para todo o Brasil, lembrando a todos os inúmeros potenciais do nosso querido município”, concluiu o prefeito.

Para o secretário de esportes de Atibaia, Vanderlei Bocuzzi Teixeira, o Duelo de Motos colabora ainda mais com a visibilidade turística do esporte. “Atibaia sediará essa competição de tirar o fôlego pela quarta vez em sua história e, assim como nas edições anteriores, será uma excelente oportunidade para divulgação de Atibaia e seus atrativos, sobretudo a nossa vocação para esportes de aventura. O Duelo de Motos já agitou o município com suas disputas emocionantes antes e, por isso, a cidade e a população sempre vivem uma grande expectativa para o evento. Mesmo em formato distinto por conta das restrições da pandemia, a emoção por sediar as competições não é diferente, então estamos todos ansiosos para ver Atibaia e suas virtudes em rede nacional outra vez” diz.

 

Nova localização, novos desafios

Um dos principais pontos turísticos de Atibaia será o palco do evento. A nova pista promete muitos desafios aos pilotos, além de ter uma vista privilegiada para o Monumento Natural Estadual (Mona), conhecido como Pedra Grande, um dos principais pontos turísticos da cidade.

A pista, apesar de reduzida nesta edição, continua apresentando desafios aos dez pilotos que participarão do evento. Composta por cinco saltos com características e distâncias distintas, o formato oval promete ainda mais emoção e ação constante durante as baterias.

Entre os saltos, destaque para a rampa posicionada com 27 metros, seis metros a mais que as convencionais, e para o lançamento de terra posicionado com 21 metros, que deverão ser os grandes desafios dessa edição.

 

A competição

Após passarem por uma etapa classificatória no sábado (16), os pilotos serão distribuídos em um sistema de chaves com base em seus resultados, seguindo para a fase final da competição no domingo (17).

Daí em diante, passarão a acontecer os embates diretos no sistema "mata-mata", em que a cada fase dois pilotos entram na pista com o objetivo de conquistar os votos individuais de cada um dos cinco juízes. Sendo avaliados nos critérios de variedade, execução, estilo, uso de pista e energia, o piloto que vencer em três ou mais critérios em cada disputa é considerado o vencedor daquele duelo e avança para a próxima

fase. Seguindo assim até o duelo final, em que o piloto vencedor será declarado o grande campeão do Duelo de Motos 2021.

  

Serviço: 7ª Edição do Duelo de Motos
16 de Janeiro: Classificatórias
17 de Janeiro: Grande Final | Transmissão Ao Vivo - TV Globo, a partir das 10h
Local: Rua Comendador Jácomo Antonio Lã Selva, Itapetinga, Atibaia
Não haverá público no local

 

Crédito: Manuella Tavares - 222 Comunicação