SICAP completa 20 anos de atuação

Empresa marca uma nova fase de renovação

SICAP completa 20 anos de atuação






Trabalhando para oferecer suporte e serviços de acordo com as demandas do mercado em um cenário altamente desafiador com surgimento de novos players, mudança de comportamento de compra dos consumidores, canais digitais, a chegada dos híbridos, eletrificação dos veículos e aplicativos que mudam a forma da mobilidade, o SICAP - Sindicato do Comércio Atacadista, Importador, Exportador e Distribuidor de Peças, Rolamentos, Acessórios e Componentes para Indústria e para Veículos no Estado de São Paulo, está em constante aprimoramento de suas atividades para orientar os distribuidores independentes, bem como promover estudos e elaborar planos para estruturação e racionalização do mercado de reposição de autopeças. Tem ainda a missão de estreitar o relacionamento e cooperação entre distribuidores e fabricantes com os demais elos da cadeia.

Ao completar 20 anos, a entidade que representa legalmente as empresas de distribuição de autopeças no Estado de São Paulo, tem intensificado a sua atuação para promover debates que trazem à tona questões relevantes para ajudar a entender as mudanças que estão ocorrendo e os impactos que causarão no negócio de distribuição de autopeças. Para isso, juntamente com a ANDAP – Associação Nacional dos Distribuidores de Autopeças, com a qual divide o mesmo espaço e compartilha da mesma diretoria, tem realizado eventos nos últimos anos em várias ocasiões, incluindo feiras nacionais, como a Automec e internacionais, como a Automechanika, sempre com o intuito de manter os empresários do setor bem informados. “O SICAP reúne as principais empresas de distribuição do Estado paulista que tem relevante participação no mercado de reposição, com suas filiais em várias regiões do País e sabemos de nossa responsabilidade em representá-las e de atendê-las da melhor forma possível”, destaca Alcides Acerbi Neto, presidente do SICAP.

Empresário do setor, como diretor da Jahu Borrachas e Autopeças, Neto entende muito bem das necessidades do mercado e tem pautado a sua gestão no SICAP com base nessa visão, considerando as transformações que vêm ocorrendo.  “Estamos sentindo na pele as mudanças e o SICAP tem promovido discussões que trazem dados e informações que auxiliam seus representados em decisões e posicionamento neste momento tão peculiar que vivemos hoje”, destaca o presidente.

Quando assumiu a presidência, em 2018, Neto teve a missão de imprimir uma gestão com olhar empresarial para a entidade, justamente quando houve a drástica queda da arrecadação, com fim da contribuição sindical obrigatória. Desafio que assumiu com muita determinação, reduzindo despesas e procurando ouvir cada vez mais as empresas associadas. Assim, foi construindo as atividades que incluem cursos de capacitação e reciclagem de profissionais, bem como apresentações de especialistas sobre os mais variados temas, na busca de levar conhecimento e informação aos empresários.

Neto também lembra que, como representante legal da categoria das empresas de distribuição de autopeças no Estado de São Paulo, o SICAP é responsável pelas normas coletivas de trabalho, uma atividade que impacta diretamente no negócio das empresas do setor, portanto, um trabalho essencial que a entidade exerce. “O que for acordado na convenção coletiva entre o SICAP e o sindicato dos trabalhadores prevalece para todas as empresas do setor”, acrescenta.

Outro ponto que incide diretamente nos resultados das empresas é a questão tributária, a alta carga de impostos compromete o capital de giro e encarece as operações. No Estado de São Paulo, onde a substituição tributária é elevada, Neto revela que o SICAP, participa ativamente e monitora a pesquisa conjuntural apresentada à Secretaria da Fazenda com intuito de minimizar os reajustes do MVA, na tentativa de apresentar ao governo o retrato real do mercado.

A entidade também tem como atribuição a emissão do certificado de regularidade sindical para licitações públicas e alvarás de funcionamento.

Com todas essas atividades e em um momento de muitas incertezas, o SICAP criou uma nova forma de atuar, considerando o cenário atual e buscando aprimorar o seu trabalho a cada dia. “Trabalhar pelo coletivo e pela união traz ganhos para todos e fortalece o nosso setor. E é nisso que acreditamos e por isso não medimos esforços para fazermos a diferença junto às empresas”, revela.

Para chegar a esta maturidade, Neto menciona também o trabalho importante realizado pelas gestões que o antecederam. “O SICAP foi criado há 20 anos para atender as necessidades do setor, e assim seguirá fazendo” finaliza Neto, assumindo este compromisso.