SHIRO se consolida no segmento off-road

A marca espanhola de capacetes passou pelo "teste de fogo" de uma das provas mais casca grossa do país

SHIRO se consolida no segmento off-road






Mais uma vez os capacetes SHIRO comprovaram que estão aptos a atender as exigências de competições off-road, a nível do maior rali das Américas. Projetado para oferecer segurança em situações extremas, com maior conforto e segurança, o modelo MX-917 comprovou sua excelência ao cruzar a rampa de chegada do Sertões 2019 com Tunico Maciel. O piloto da Honda Racing conquistou o bicampeonato na geral e na categoria Production Aberta, após vencer cinco das oito etapas da 27ª edição que cruzou seis estados, em oito dias e completou um roteiro de aproximadamente de 5 mil km pelo Centro-Oeste e Nordeste do Brasil, no início do mês.

“Esse foi o primeiro grande título que a SHIRO conquistou no Brasil e para nós é um orgulho tremendo poder estar apoiando o esporte e, ao mesmo tempo, oferecer segurança e conforto necessários para que o Tunico chegasse no lugar mais alto do pódio”, afirma Théo Lopes, diretor comercial da SHIRO Brasil.

Nesta temporada, a marca espanhola SHIRO Helmets, representada no país pela TWP, chegou ao Sertões com os campeões Tunico Maciel e Bissinho Zavatti (ambos da Honda Racing) e também com Tiago Fantozzi, que faturou o título da geral das motos em 2001. Zavatti machucou o pé no início do Sertões e precisou abandonar a prova, já Fantozzi terminou em 6º na Super Production. Todos elogiaram e aprovaram a leveza e conforto do MX-917 para encarar etapas desgastantes e percorridas sempre em alta velocidade. Produzido em composto de carbono, o MX-917 pesa apenas 1,100 kg.

“O trabalho foi muito árduo para chegar onde chegamos. Consegui colocar um bom ritmo na minha prova do início ao fim, não tive problemas, mantive meu foco, a cabeça no lugar e tudo fluiu tão bem e mostrou que estou no caminho certo para que eu pudesse colher esses frutos e dar retorno a todos os meus patrocinadores”, ressalta o mineiro de Lavras de 25 anos.

Um piloto de ponta como Maciel e que faz parte de uma equipe multicampeã também precisa estar equipado com acessórios do mesmo nível. Tanto que o bicampeão procurou a SHIRO no início da temporada. “Eu procurei o Finato (Marcos, diretor executivo da SHIRO Brasil), porque além de comercializar um ótimo produto, é piloto, está no meio e sabe o que nós competidores precisamos. Se depender de mim nossa parceria vai durar bons anos!”, ressalta. “O capacete passou no teste do Sertões! Apresenta três principais características: a beleza, o conforto e a leveza que leva a SHIRO a um patamar muito alto. Eles me oferecem um suporte muito bom e estão de parabéns! Fiquei feliz em poder retribuir com este título”, completa Maciel, que além do Sertões compete todas as provas da temporada com o modelo.

“Além de Tunico, Bissinho e Fantozzi que são apoiados por nós, ao longo do Sertões me deparei com outros pilotos que estavam usando a marca. Todos foram unânimes ao dizer que se surpreenderam principalmente com o peso e, isso num dia de rali, faz toda a diferença, pois este ano tivemos etapas com mais de 900 km”, explica Finato, que acompanhou todo o roteiro desta edição.