Harley prepara o lançamento

A montadora Norte Americana revela sua primeira NAKED, apresentada como protótipo na feira de Milão em 2019

Harley prepara o lançamento
A H-D Bronx em ação na estrada.






A Harley-Davidson Bronx tem previsão de chegar no mercado em 2020 e chega com o objetivo principar de brigar num novo segmento para a marca, com motor de 975 cm³ e 1.250 cm³ (novo motor, chamado de Revolution Max). O design da moto é moderno, mas traz elementos “retrô”, como o farol, piscas e painel de instrumentos, redondos. Este último é digital, aparentemente de TFT colorido, mas pode ser de LCD. Este modelo virá com as opções de cores preto ou vermelho.

Este modelo chegará equipada com rodas de liga leve e pneus com desenhos esportivos. Conta ainda com suspensão dianteira invertida e freios Brembo, com duplo disco na dianteira, com pinças de 4 pistões.

O motor é o novo Revolution Max, um V-Twin a 60°, com opção de 975 cm³ e 1.250 cm³ com refrigeração líquida, capaz de gerar mais de 115 cv e 145 cv de potência máxima e 9,68 kgfm e 12,45 kgfm de torque, respectivamente. Só para comparar, a Ducati Monster 1200 S possui 152 cv de potência e 12,8 kgfm de torque.

Tanto a Pan America como a Bronx são equipadas com inéditos motores de dois cilindros em "V" a 60° com refrigeração líquida, da mesma família, chamada de Revolution Max ,de 1250 cc e 975 cc, respectivamente. A Harley também confirmou que os novos motores deverão equipar outros modelos futuramente.

A fabricante aposta que ambos desenvolvimentos são importantes não só para conquistar um novo nicho no mercado pela marca, mas também fidelizar novos clientes provindos das novas gerações de motociclistas.