Copa ProTork Contestado Elite Velocross 2019

Cidade de Indaial-SC recebe a 2ª etapa

Copa ProTork Contestado Elite Velocross 2019






 

A cidade de Indaial-SC prepara uma grande festa para receber a 2ª etapa da Copa ProTork Contestado Elite de Velocross. A pista do Parque Municipal de eventos, já é bem conhecida dos pilotos tendo recebido várias provas regionais e estaduais. Nessa semana, começam os últimos ajustes no traçado e no box, visando aumentar a segurança dos pilotos e acomodar um grande numero de equipes na área de box.

A competição busca trazer um novo modelo de corridas, com boa premiação, interação entre pilotos e público e as provas da Elite, reunindo os melhores pilotos do final de semana na mesma corrida. 

Após a prova de abertura, realizada em Blumenau SC, uma grande expectativa vem sendo criado para a etapa, principalmente nas categorias Elite, onde grandes nomes da modalidade já confirmaram presença, além de vários pilotos da região, que conhecem bem o traçado e devem brigar por vitórias e pódio.

Nicolas Lopes mora na cidade vizinha e costuma treinar no circuito de Indaial. O piloto que foi uma das surpresas da etapa de abertura segue na preparação visando um resultado ainda melhor.
A programação da etapa tem inicio no sábado com os treinos a partir das 11 horas da manha, com as primeiras corridas a partir das 16 horas.  No domingo, os treinos iniciam as 8 horas, com as primeiras corridas a partir as 10 horas.

Algumas surpresas e revelações na etapa de Blumenau.

A prova de Blumenau, mostrou ser possível um novo formato de evento, porem talvez a maior surpresa tenha sido o resultado de pilotos com motos “menores” nas categorias Elite. 
Na Elite Especial, Eduardo Tessaro e Nicolas Lopes correram de 250cc contra as poderosas 450cc e mesmo assim andaram no ritmo dos lideres, ficando na 4ª e 5ª posição no resultado final. Nas Nacionais, Rodrigo Taborda levou sua 230cc ao 3ª lugar, disputando cada centímetro da pista contra motos de até 450cc.  Outra revelação foi Guilherme Pscheidt, que ganhou a 230cc Intermediaria e alinhou na 230cc Pró visando apenas pegar ritmo. O piloto conseguiu uma boa largada, e andou boa parte da prova no ritmo dos líderes, finalizando na 3ª posição. Na Elite Nacional, o piloto ainda garantiu a 6ª posição, correndo de 230cc contra motos de maior cilindrada.